domingo, 20 de setembro de 2009

Viver


Nada como um dia após o outro

Nada como uma manhã após outra manha

Nada como uma noite ao teu lado

O que o futuro nos espera eu não sei

Eu só quero viver o agora com você

Sentir o teu toque

O teu cheiro

Te beijar lentamente

Sentir o vento bater no meu rosto

Sentir a exaltação de um amor

Um amor puro

Um amor sincero

Uma flor que acabou de se abrir.


2 comentários:

Cibele Portela disse...

Elyza você me choca, que sentimento é esse menina? coisa de louco, parabéns.

elyza disse...

^^ obrigada Cibele. nem eu sei explicar não
HIASHUAHSIUAHSUAHIA ;))