terça-feira, 9 de março de 2010

Silêncio.


Se eu pudesse entender o teu corpo
Se seus olhos me falassem a verdade
Mas nem uma só palavra.

Estou cansando de esperar-te
Tu és homem sem coração

Fizeste-me te amar,
Sem dizer
Sem olhar
Sem tocar.

terça-feira, 2 de março de 2010

Curada.


O sentimento é de traição
O coração dói ao bater
Ao matadouro estava sendo levada
Sem ser avisada
Foi quando um anjo me alertou,
Não sobre a traição
Mas sobre o caminho do homem
A quem eu estava seguindo em vão.
Descobri que nem o homem sabia
Pensei em lhe dizer
Mas o homem já ia pelo seu caminh.o
Sem olhar pra trás,
Peguei meu coração partido
Levei-o ao curandeiro
Com a receita e o atestado
Não fui à busca do príncipe encantado
Esperei sentada e aliviada ao saber que
Teria meu coração partido curado.